Buscar
  • Luísa Aranha

Se sentires saudades

Se por acaso sentires saudades, saibas que estarei aqui. Talvez seja improvável que penses que um dia existi. Mas costumam dizer os poetas que um verdadeiro amor nunca morre. Não sei se foi amor, se foi verdadeiro, se foi recíproco. Só tenho a certeza que ainda estarei aqui.

Não te iludas também de que ficarei esperando teu chamar. Não é isso, meu amor. A vida continua e outros irão ocupar o espaço vago na cama que deixastes em uma noite fria. Mas quando quiseres retornar, troco os lençóis e escondo todos no armário para te esperar.

Eu não sei se um dia voltarás ou se quer se lembrarás. Mas eu não esquecerei. E com pesar sentirei tua falta a cada segundo. Mesmo quando esses segundos não forem teus. Porque não há de ser a distância que conseguirá aplacar esse fogo que me consome apenas de suspirar teu nome.

LOGO CeP IMPRESSAO.png

©2019 by Luísa Aranha. Proudly created with Wix.com