Buscar
  • Luísa Aranha

Mais um ciclo

Hoje é meu aniversário. Ok! Mas não estou dizendo isso porque quero parabéns, estou comentando apenas para que vocês entendem o porquê deste texto.

Há algum tempo eu venho pensando na vida. Na vida de uma forma geral, os caminhos que escolhi, as coisas que não previ ou planejei (na verdade a maioria eu não planejei, porque sou impulsiva demais para isso) e as consequências de cada situação.

Eu tenho pensando nisso porque em breve mudaremos de novo. Em breve teremos a chance de zerar o jogo e começar um novo. Seremos nós e em outros lugares. E cada vez que nos mudamos eu sinto como se fosse a possibilidade de me reinventar.

Aliás me reinventar é uma arte que domino bem. Quantas vezes foram necessárias mudar (e não só de cidade, casa), quantas vezes eu larguei tudo e comecei de novo, algo novo, diferente, que eu não sabia absolutamente nada.

Então estou eu, quase chegando nos 4.0 (ok, ainda faltam 3 anos inteiros, mas porra 37 é mais perto de 40 do que de 30), prestes a começar uma nova fase da vida, num lugar novo (que ainda não sabemos qual é), deixar meus amigos para trás, minha rotina, minha vida, minha comodidade e fazer tudo acontecer de novo...

Serão caixas, malas, memórias, recordações e saudades para reorganizar. Terá aquele período de Polyana, encantada com o novo lugar. Depois o período de saudade onde aqui parecerá mil vezes melhor que lá e depois... depois a rotina.

E sabe o que é melhor? É que eu adoro essa sensação. Claro que vou morrer de saudades daqui, como morro de saudades de todos os lugares que já passei, dos amigos que deixei e das histórias incríveis que vivi.

Mas assim como as minhas constantes mudanças, minha nova idade vai me deixar um pouco mais de saudades. E me trazer mais amadurecimento, conquistas e novidades. Que venha os 37 e a nova cidade...

LOGO CeP IMPRESSAO.png

©2019 by Luísa Aranha. Proudly created with Wix.com