Buscar
  • Luísa Aranha

Literalmente, com amor

Eu não preciso de joias.

Quero palavras. Sinceras, honestas, intencionais.


Não preciso de presentes. Preciso de presença. Abraço apertado.

Peito aconchegante.

Voz calmante.

Alma viva.

Não quero sentido.

Quero sentimento,

vivo, pulsante,

impulsivo.

Pele quente, ardente,

que faz perder o tino.


Não quero prioridade. Quero intensidade, verdade, saudade.

Mas me traga flores. Plantas, cartas e poemas. Mensagens bobas

com emotions fofas. Demonstre em gestos.

De todas as cores,

sabores, amores.


É só o que eu peço:

Palavras,

cores e flores.

Literalmente,

com amor.

LOGO CeP IMPRESSAO.png