Buscar
  • Luísa Aranha

De mãos dadas

Parece um sonho e eu me pergunto constante em que momento vou acordar. Não sei se são os meus medos, meus traumas ou as coincidências que parecem nunca acabar.

Quem diria que depois de tanto tempo a gente se encontraria. Num lugar totalmente inusitado, no meio do mato, improvável e tão longe de onde um dia algo começou. Quem diria que a gente se esbarraria e se reconheceria pelo olhar.

Uma história que poderia der dado certo há tempos atrás se não fosse a rainha do baile e o bad boy da escola. Um caminho que se cruzou e se fastou nas bifurcações do caminho e de repente chegou no mesmo final.

A vida é engraçada, algumas coisas parece que acontecem porque tem que acontecer. A gente passa por coisas, não entende o que passa, se questiona, se Deus, se a energia, se o universo não gosta da gente.

Nós sofremos, cada uma com a sua história. Cada um viveu coisas que alguns não suportariam. Mas a gente suportou. Suportou e superou. Passou por outras coisas e acabou de mãos dadas.

Não sei se essa história terá um felizes para sempre ou apenas um felizes por agora. E eu não sei. Não sei o que vai ser. Se vamos superar as distâncias, os obstáculos, se será simples ter uma nova história. Mas eu sei que estou pronta para seguir com você e me aventurar por esse novo caminho ao seu lado.

LOGO CeP IMPRESSAO.png

©2019 by Luísa Aranha. Proudly created with Wix.com